quinta-feira, julho 27, 2006

Minha irmã é uma mala

Pouco tempo depois que minha mãe ficou grávida, eu soube da novidade:
"Sei que vai nascer uma menina", dizia o bilhetinho escrito pela irmã ansiosa.
Eu só não imaginava que esses nossos seis anos de diferença iriam trazer tantos transtornos.
Quando ela nasceu eu perdi o reinado, claro. Isso é até aceitável, eu já tinha perdido graça e provavelmente estava banguela.
Ela foi crescendo e destruindo tudo. Destruiu todos os meu brinquedos, arrasou com minhas barbies, meus brinquedos de massinha, meus jogos preferidos.
Cresceu mais um pouco e tentou quebrar o cadeado do meu diário, pra saber o que diabos tinha ali, mesmo sem saber ler ainda.
Agora ela tem 15 anos e a última dela pra me irritar é ficar jogando counter strike a tarde innnteira e ainda colocar em um volume bem alto. Não aguento mais ouvir tiros! Sem contar que ela se diverte na TV da sala e ninguém mais usa a sky.
Eu mereço...Eu mereço!

7 comentários:

Tiago disse...

Podia ser pior.. ela podia estar querendo fazer charminho de menininha pro seu namorado.

Pat F disse...

olhaaa obrigada pela visita :)

hummmm
muito melhor ser filha única :D

beijão

Helder Júnior disse...

Pára d falar assim dela Deda... Oras!

#2 disse...

tem nem lógica falar assim da Juliana

Anônimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anônimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anônimo disse...

I love your website. It has a lot of great pictures and is very informative.
»