quinta-feira, dezembro 13, 2007

postão

Pari

Ela nasceu ontem, às 15h, pesando 64 (folhas), dentro das normas da ABNT. Chama-se "A transição da fotografia analógica para fotografia digital: estudo de caso do jornal Página 20", mas podem chamá-la de monografia. Mãe e filha passam bem.


Do atraso

Dia 6 foi o aniversário de uma pessoa muito especial: meu Tio Manel. Eu tenho essa mania possessiva de tratar as pessoas como se elas fossem só minhas.
Meu Tio Manel é o caçula da família do meu pai. Completou 4.0 na semana passada e eu fui lá comer torta de abacaxi, tomar coca-cola gelada e conversar.
Ele contou uma das histórias que eu mais gosto de ouvir: que quando eu era bebê, ele tava brincando de me rodar, mas fez tanto que eu fiquei com os olhinhos embaralhados e ele me jogou nos braços da minha tia e saiu atordoado. (talvez isso explique minha loucura).
E lembramos também do dia em que eu disse com a maior sinceridade do mundo que daria minhas pernas pra ele voltar a andar...
Conversas desse tipo fazem a gente se dar conta de que o tempo passou bem rápido e que o sentimento de admiração, carinho e amor veio junto com ele.
Parabéns, meu tio!



Das últimas

Minhas mulheres voltaram, ganhei presentes, minha dentista viajou e só volta em janeiro, não tenho epilepsia, segundo o resultado do exame, mas a médica passou mais alguns. Fico de férias do inglês no sábado. A programação do curso de cinema ficou pronta e eu verei amanhã. Encerrei minha conta no banco, mas a central continua ligando e fazendo uma cobrança que eu já paguei e eu continuo a esculhambar aqueles atendentes 'gerundistas'. Uma coisa legal quase aconteceu, mas essa fica pra outro post.

4 comentários:

Helder Júnior disse...

Ninguém fala tão bem de si mesma como tu, Deda. Fala da minha vida também. Eu não consigo...

Carlos Leite disse...

Como tu sabe que eu sou curioso, não vai se espantar quando perceber que todo esse comentário é só pra dizer que eu quero saber qual foi a coisa legal que quase aconteceu. =D

nattercia disse...

Esse contador tá maluco...

nattercia disse...

Tá mais não.