domingo, maio 25, 2008

notas

Quase dez anos depois descobri que gosto do filme "Um lugar chamado Nothing Hill" ou apenas "Nothing Hill" mais do que imaginava...
Devo ter assistido umas quatro vezes esse mês e já decorei minhas partes favoritas ( lembrando que eu detesto filme dublado).
Aquela passagem de tempo com a música "Aint no sunshine" ao fundo é simplesmente genial.


Nessas profundas reflexões também notei que gosto de estudar inglês mais do que imaginava. O problema é me deslocar até a Wizard, mas quando tô lá, gosto de tentar entender pelo menos 30% do que o professor fala dentro de sala, já que ele é americano e tem um português péssimo. E agora fazendo essa pós graduação dois fins de semana por mês, tenho tido menos tempo ainda para me dedicar. O que é triste, levando em consideração que a segunda notinha está diretamente ligada à primeira, porque se eu não aprendo inglês, fica mais difícil decorar minhas cenas preferidas dos filmes.

E já que estou esvrevendo em notas e posso aproveitar a liberdade de mudar de assunto quando bem entender, devo mencionar que esse fim de semana tivemos o retorno dos eventos tchurísticos. Não foi lá um big almoço, pq o grupo estava desfalcado, mas tive a chance de mostrar minhas habilidades na cozinha e preparar um delicioso brigadeiro de panela (que até onde eu sei, NÃO SE FAZ EM UMA LEITEIRA!).

2 comentários:

Fabiana Mesquita disse...

O encontro tchurístico foi ótimo e a conversa sobre filmes dias antes, ótima também.
Só discordo da leiteira, mas vamos deixar a discussão para outro post, já que mesmo indiretamente, eu sou o assunto na maioria deles...
rsrsrs!

Vladimir disse...

Hahaha, a Viviane, minha noiva também me critica por cozinhar coisas na leiteira (que ela, de Jundiaí, chama de "caneca"). Mas eu preparo de tudo lá, de almôndegas a, sim, brigadeiro! Ok, estou precisando de panelas novas mesmo.
Bjs