domingo, junho 15, 2008

Aos 23

Só confirmei que não tenho muita simpatia com esse número. Acho chato. Sem graça.
Como não rola pular a idade, tenho um ano inteiro para me acostumar com os novos algarimos.
No mais, aprendi que não preciso gostar de todo mundo e muito menos tentar agradar a todos. Assim como existem pessoas muito bacanas, existem as mais ou menos, que não contribuiem muito para sua vida. Então, diminuir a convivência se torna até mais saudável...
Notei também um pouco mais de egoísmo da minha parte, o que, na minha opinião, só confirma que estou virando adulta, porque crianças são bem mais humildes.
Aos 23 não espero muito, mas o suficiente para estar feliz mais vezes.

3 comentários:

Vladimir disse...

Deda,
Feliz aniversário! Gostei dos seus pensamentos, você tocou num ponto essencial do amadurecimento, procurar ser você mesma, sempre. É por aí mesmo!
Bjs e mais uma vez PARABÉNS!

Fabiana Mesquita disse...

Daqui pra frente você não vai ter simpatia por qualquer número que vier, acredite.

Camila Alam disse...

amiga, deixe de bobagem! 23, 33, 43 e lá vamos nós!
parabéns atrasado, tá? :)
bjo!